Sobre o CINDES

Sobre o CINDES

Centro de Estudos de Integração e Desenvolvimento

O CINDES foi criado em 2006 com o objetivo de contribuir para o aprofundamento do debate sobre as relações entre desenvolvimento e integração internacional do Brasil. Desde então o CINDES se consolidou como um centro de estudos policy-oriented, que analisa a política econômica externa do Brasil, suas posições e interesses em diferentes foros de negociação e cooperação internacional, a evolução do cenário mundial e seus impactos sobre a economia e a políticas comercial do país.

O Cindes é um think tank independente dedicado ao debate sobre a inserção internacional do Brasil, cuja visão é orientada pelos seguintes valores: 

O CINDES trabalha com uma rede de organizações e especialistas, no Brasil e no exterior, desenvolvendo estudos e pesquisas, organizando seminários e reuniões e disseminando informações sobre integração e desenvolvimento econômico e social.

Principais linhas de trabalho

Diretoria

Sandra Polónia Rios

Sandra Polónia Rios

É diretora do Centro de Estudos de Integração e Desenvolvimento (CINDES) e sócia da Ecostrat Consultores. Especialista em temas relacionados a negociações comerciais internacionais e a política de comércio exterior. Sandra é professora de Política Comercial no Departamento de Economia da Pontifícia Universidade Católica do Rio de janeiro. Sandra Rios é economista, com mestrado pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Foi coordenadora da Unidade de Integração Internacional da Confederação Nacional da Indústria e pesquisadora do Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada – IPEA (Rio de Janeiro).

Pedro da Motta Veiga

Pedro da Motta Veiga

Pedro da Motta Veiga é diretor do Centro de Estudos de Integração e Desenvolvimento (CINDES), sócio-diretor de Ecostrat Consultores e consultor da EMBRAER. Foi Diretor Geral a Fundação Centro de Estudos do Comércio Exterior, Chefe de Gabinete da Presidência do BNDES e Diretor da Finame/BNDES na área de financiamento às exportações. Seu campo de expertise inclui regulação do comércio e investimentos internacionais, economia política da política comercial e negociações comerciais. Atuou como consultor de diversas organizações internacionais (OECD, The World Bank, UNCTAD, IDB, ALADI). Responsável pela edição de três livros: Cone Sul: a economia política da integração (1993), O Brasil e os desafios da globalização (2000) e Comércio e Política Comercial no Brasil (2006).
José Tavares de Araujo Jr.

José Tavares de Araujo Jr.

José Tavares de Araujo Jr. é diretor do Centro de Estudos de Integração e Desenvolvimento – Cindes (www.cindesbrasil.org) e sócio da empresa Ecostrat Consultores (www.ecostrat.net); é doutor em economia pela Universidade de Londres, professor titular aposentado da Universidade Federal do Rio de Janeiro, ex-Secretário Executivo da Comissão de Política Aduaneira – CPA (1985-88) e da Câmara de Comércio Exterior – CAMEX (1995), e ex-Secretário de Acompanhamento Econômico do Ministério da Fazenda (2003-04); é autor diversos trabalhos publicados em cerca de dez países, nas áreas de comércio internacional, política de concorrência e organização industrial. Como consultor independente, prestou serviços a diversos organismos internacionais, como o Banco Mundial, Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Organização dos Estados Americanos (OEA), Comissão Econômica para América Latina (CEPAL), Associação Latino Americana de Integração (ALADI) e a Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial (UNIDO).
Roberto Magno Iglesias

Roberto Magno Iglesias

Roberto Magno Iglesias é diretor licenciado do Centro de Estudos de Integração e Desenvolvimento – Cindes. É doutor em Economia pela Universidade de Oxford. Professor da PUC-RJ. Foi Secretário-Adjunto de Política Econômica do Ministério da Fazenda; coordenador da Confederação Nacional da Indústria (CNI); economista da Fundação de Estudos de Comércio Exterior (FUNCEX); consultor da Comissão Econômica para América Latina (CEPAL); da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Banco Mundial. Tem publicações na área de macroeconomia, comércio internacional, política comercial e investimento brasileiro no exterior. Também publicou trabalhos em economia do controle do tabagismo e impostos de cigarros.

Pesquisadores Associados

Adilson de Oliveira

Adilson de Oliveira

Adilson de Oliveira é engenheiro químico formado pela Escola Politécnica da USP (1969), com pós-graduação em administração pela Fundação Getúlio Vargas de São Paulo (1972), especialização em Economia da Energia pelo Instituto Econômico e Jurídico de Energia, da Universidade de Grenoble, França (1976) e doutorado em Desenvolvimento Econômico pela mesma Universidade (1977). Ingressou como professor da Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Engenharia da UFRJ, onde participou da criação da área Interdisciplinar de Energia (atualmente Programa de Planejamento Energético). Em 1992 transferiu-se para o Instituto de Economia da UFRJ onde criou a área de Energia e permanece até hoje como professor titular. Foi diretor do Instituto de Economia, da Faculdade de Direito da UFRJ e do Colégio de Altos Estudos da UFRJ. Ao longo de sua carreira acadêmica publicou diversos artigos em periódicos nacionais e internacionais. Como consultor desenvolveu trabalhos para diversas organizações nacionais e internacionais. Entre 1999 e 2001 foi coordenador de uma rede internacional de pesquisa que acompanhou Reforma das Indústrias de Energia (na Europa, na ásia, na América Latina e na África) financiada pela União Europeia. Durante a Reforma do setor elétrico, atuou como consultor do MME. Mais recentemente, atuou como consultor do Programa de Mobilização da Indústria do Petróleo e do Gás Natural (Prominp)
Eduardo Augusto Guimarães

Eduardo Augusto Guimarães

Eduardo Augusto Guimarães é engenheiro civil, economista e doutor em Economia pela University of London (1980). Eduardo foi pesquisador do IPEA, economista da FINEP, Diretor do Instituto de Economia Industrial da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Diretor de Pesquisa, Diretor-geral e Presidente do IBGE, Secretário do Tesouro Nacional, Presidente do BANESPA e Presidente do Banco do Brasil S.A. Ao longo de sua carreira foi membro dos conselhos de administração de várias empresas públicas e privadas e membro dos comitês de auditoria de empresas do setor financeiro. Eduardo Augusto Guimarães foi professor do Departamento de Economia da PUC-RJ, do Departamento de Economia da UFF e Professor Titular do Instituto de Economia da UFRJ. Realizou atividades de consultoria junto a organismos internacionais: Organization for Economic Co-operation and Development- OECD, Development Centre; United Nations University, World Institute for Development Economics Research – UNU/WIDER; Banco Mundial; Comissão Econômica para a América Latina; Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento – PNUD; Banco Interamericano de Desenvolvimento – BID. Exerceu e continua a exercer atividades de consultoria – Confederação Nacional da Indústria, Fundação Centtro de Estudos do Comércio Exterior – FUNCEX, Agência Nacional de Transportes Terrestres, Agência Nacional de Aviação Civil e a associações empresariais e empresas privadas.
Eduardo Viola

Eduardo Viola

É Pesquisador Sênior do Instituto de Estudos Avançados da USP e Professor da Escola de Relações Internacionais da FGV e do Programa de Pós-graduação em Relações Internacionais da UnB, Coordenador do Grupo de Pesquisa do CNPq “Sistema Internacional no Antropoceno” e Pesquisador Nível 1B do CNPq. É autor de 7 livros, mais de 50 capítulos de livros e mais de 80 artigos publicados em periódicos científicos especializados em vários países. Tem mais de 300 citações no Web of Science e mais de 5800 no Google Scholar. Principais temas: Política Ambiental Internacional, Economia política internacional da mudança Climática e da Transição Energética, Globalização e Governança, relações internacionais nas Américas. É membro de vários comitês científicos nacionais e internacionais. Participa em debates públicos sobre temas de política ambiental e política internacional.

Leane Cornet Naidin

Leane Cornet Naidin

É Doutora em Economia pela Faculdade de Economia da UFRJ e Professora Adjunta do Departamento de Relações Internacionais da PUC/RJ. É pesquisadora associada do CINDES – Centro de Estudos de Integração e Desenvolvimento e consultora em comércio internacional. Em sua experiência profissional na área de comércio e negociações internacionais destacam-se: panelista em contenciosos no âmbito do Comitê de Solução de Controvérsias na OMC; Coordenadora Geral do Departamento de Defesa Comercial da Secretaria de Comércio Exterior do MDIC; representante da Secretaria de Comércio Exterior do Brasil em negociações nos foros internacionais da OMC e ALCA; e Coordenadora Nacional do Comitê de Defesa Comercial e Salvaguardas do MERCOSUL.
José Augusto Fernandes

José Augusto Fernandes

José Augusto Coelho Fernandes é Msc em Economia pelo Departamento de Economia da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Foi diretor de Políticas e Estratégia da Confederação Nacional da Indústria – CNI e da International Chamber of Commerce ICC – Brasil e ex-presidente da Fundação Centro de Estudos de Comércio Exterior – FUNCEX. É membro do Conselho do Centro de Estudos de Integração e Desenvolvimento – CINDES e ex-membro dos conselhos do INAE, IBMEC, do comitê assessor da sociedade civil do BID e do Global Agenda Council Latin America do World Economic Forum. Foi representante da CNI no BIAC- Business Industry Advisory Committee/OECD e na Global Business Coalition. Sua experiência profissional inclui uma longa carreira associada ao desenvolvimento de agendas voltadas para a modernização institucional do país, competitividade e inserção internacional.

Conselho Consultivo

Carlos Mariani Bittencourt
Eduardo Augusto Guimarães
João Paulo Veiga
José Serrador
Marcelo de Paiva Abreu
Pedro de Camargo Neto
Ricardo Markwald
Rubens Ricupero

Estagiária

Letícia Patiño Borges
© 2022 desenvolvido por Studio Cubo